Hipnose Clínica / Hipnoterapia

Neuropsicologia

Neuropsicologiaem Atibaia

Neuropsicologia

Uma especialidade da Psicologia, a qual, é possível entender como que as estruturas e os sistemas cerebrais se relacionam, com o comportamento e pensamento.

Distúrbios no cérebro e no sistema nervoso podem alterar o comportamento e as funções cognitivas. O neuropsicólogo avalia e trata as pessoas com vários tipos de distúrbios do sistema nervoso.

Você sabia que: doenças em geral, lesões, doenças do cérebro e do sistema nervoso podem afetar a forma como uma pessoa se sente, pensa e se comporta?!?!?!? Sim, isso é fato.

Os sintomas que podem indicar a intervenção de um neuropsicólogo, são vários, e lhe apresento os principais:

– dificuldades de memória
– distúrbios do humor
– dificuldades de aprendizagem
– disfunções do sistema nervoso

O neuropsicólogo, pode ajudar a determinar um diagnóstico. Porém, caso haja um diagnóstico já conhecido, uma avaliação ainda assim, pode ser útil. Ele, pode também ajudar, a determinar quais deficiências você pode ter e sua gravidade.

Exemplos de condições para avaliar e tratar:

ANSIEDADE – a ansiedade pode acarretar danos ao cérebro. Os cientistas descobriram que pessoas com transtorno cognitivo leve, entre outras complicações, têm maior risco de desenvolverem Alzheimer depois de um tempo, mas, se sofrerem com ansiedade, a probabilidade aumenta.

DEPRESSÃO – A relação entre depressão e déficit cognitivo é bem conhecida. A depressão provoca alterações no cérebro e afeta a disponibilidade de certos neurotransmissores como serotonina e a dopamina, sendo que esses neurotransmissores não afetam apenas o humor, mas também podem diminuir as capacidades cognitivas.

TDAH (TRANSTORNO DO DÉFICIT DE ATENÇÃO COM HIPERATIVIDADE) – o transtorno é caracterizado pela hiperatividade, desorganização, agitação, falta de atenção, impulsividade, entre outros.

SCLEROSE MÚLTIPLA – A disfunção cognitiva na esclerose múltipla caracteriza-se por déficits de memória, atenção, velocidade de processamento de informação e funções executivas

AVC (ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL) – pode afetar o comportamento, o pensamento, a memória e outras funções cerebrais de maneiras óbvias ou sutis. A realização de uma avaliação neuropsicológica ajuda a determinar o grau de comprometimento do AVC (acidente vascular cerebral).

DOENÇA DE PARKINSON - uma doença progressiva, pode causar diversos problemas neurológicos. A avaliação de um neuropsicólogo pode fornecer uma base para ajudar a determinar a progressão da doença e possíveis alterações das funções cognitivas (memória, atenção, etc. )

ALZHEIMER E OUTRAS FORMAS DE DEMÊNCIA - que podem interferir com a memória, personalidade e capacidade cognitiva. O neuropsicólogo pode realizar um exame para ajudar a identificar essas alterações ainda na fase inicial.

Os TRAUMATISMOS CRANIENCEFÁLICOS - podem causar uma ampla variedade de sintomas. O neuropsicólogo pode ajudar a determinar como uma lesão afeta funções como raciocínio ou habilidade para resolver problemas.

DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM - Um neuropsicólogo pode ajudar a determinar qual dos muitos tipos de dificuldades de aprendizagem alguém tem e desenvolver um plano de tratamento. O neuropsicólogo adota diferentes procedimentos para identificar problemas e elaborar planos de tratamento.

Um dos principais procedimentos é a AVALIAÇÃO NEUROPSICOLÓGICA.

É uma avaliação de como o cérebro funciona. A avaliação irá incluir uma entrevista e perguntas que vão ajudar a delinear o seu desempenho de tarefas diárias, bem como identificar problemas de memória e problemas de saúde mental. A entrevista irá também abranger informações sobre os sintomas, história médica e medicamentos que toma.

Uma avaliação inclui diferentes tipos de testes padronizados para medir muitas áreas da função cerebral, incluindo:

– memória
– habilidade cognitiva
– personalidade
– capacidade de resolução de problemas
– raciocínio
– emoções

Exames de imagens do cérebro, tais como tomografia computadorizada ou ressonância magnética, também podem ajudar um neuropsicólogo a fazer um diagnóstico.

O Neuropsicólogo pode desenvolver um plano de tratamento pela compreensão de como o cérebro funciona e como esse funcionamento se relaciona com o comportamento.

Agendar Consulta